segunda-feira, 16 de março de 2009

1 + 1 = 3! - continuação -


No banheiro, o "D" me pegou no colo e entrou comigo na banheira... o Oscar se juntou a nós e fiquei assim, fazendo carinho, massageando e beijando cada um deles até que chegou minha vez... Me ensaboaram e me banharam gostosamente... O Oscar saiu da banheira, pegou um roupão enquanto o "D" me levantava e saia da banheira comigo, me secaram como se eu fosse um bebezinho... Assim eles cuidaram de mim e voltamos para a cama... Ficamos os três sentados, eu no meio recebendo beijos e lambidinhas nos ombros enquanto eles alternavam as mãos massagenando meu clitóris ou apertando o bico do meu seio... Fui sentindo o corpo se entorpecer com todo aquele tesão e me entreguei novamente a todas as sensações que aqueles dois me proporcionavam... O "D" parecia querer me levar ao céu... suas carícias ficavam mais profundas assim como as coisas que me dizia, Oscar por sua vez, parecia ler minha mente... beijava, mordia e me chupava com a intensidade certa, da meneira que eu gosto quase me fazendo gozar em sua boca... Derrepente, o "D" se vira encostando na cabeceira da cama e me puxando pra si, me coloca de quatro e começa a lamber meu cuzinho... O Oscar, de frente pra mim, levantou meus cabelos e lentamente foi colocando seu pau em minha boca. A cada linguada que o "D" me dava, eu chupava Oscar com mais força... Ficamos nessa posição por um longo tempo aproveitando ao máximo o prazer que sentiamos... Oscar levantou meu rosto e me beijou a boca com volúpia e prazer, me pegou pelas pernas e me sentou no colo do "D"... Como meu cuzinho j estava bastante lubrificado, ele só precisou apontar e foi me penetrando deliciosamente... Oscar me observava subir e descer naquele pau e se aproximou encaixando seu corpo no meu... me olhando nos olhos, aproximou seu pau da minha boceta e comecou a pincelá-la me arrancando um gemido profundo... o "D" parou... escorregou um pouco mais o corpo e disse:"Você quer?!?"...eu olhei pro Oscar e sem nenhum pudor, o puxei com vontade pelos cabelos sentindo todo seu membro entrando fundo, tocando o fundo do meu corpo... INDESCRITÍVEL! Sentir os dois dentro de mim me fez gozar várias vezes... senti por várias vezes uma vertigem como se fosse desmaiar... faltou fôlego, força, palavras... derrepente o gozo quase simultâneo deles dentro de mim... ninguém gemia, urravamos, cravavamos as unhas, serravamos os dentes... senti o jato forte do gozo de cada um... o corpo tremia, latejava, eram espasmos que pareciam nunca acabar... quando nos separamos, parecia que meu corpo havia perdido a estrutura... tombei como que forçada... era como se tivesse vivido sem pressão e como um astronauta deve se sentir quando chega a terra, assim eu me senti... assim eu fiquei e não tinha forças nem para ficar de olhos abertos... a respiração do Oscar e do "D" parecia de quem havia saido do fundo do mar e chegado a superficie tentando inspirar todo o ar possível... Ficamos largados... perdemos a noção do tempo e dormimos... Quando acordei, estava quase amanhecendo... olhei pro lado e vi o "D"... seu semblante parecia com o de um anjo... dormia um sono tão gostoso que não quis acordá-lo... Do outro lado estava Oscar, suas pernas sobre as minha, seus cabelos emaranhados aos meus e com a mesma expressão no rosto... Não poderia acordá-los então, fiquei assim, com eles em meus braços, feliz e sem me preocupar com o mundo correndo lá fora, fechei meus olhos, abracei meus amores e voltei a dormir amparada por dois deuses que me proporcionaram um dos melhores prazeres que já provei...

Nenhum comentário: